Em visita oficial do Governador a Presidente Prudente, Apampesp protesta e pede fim do confisco previdenciário

O Governador Rodrigo Garcia foi recebido sob protestos de professores aposentados da Apampesp, durante visita oficial a Presidente Prudente, na manhã desta sexta-feira, dia 20 de maio. A Entidade esteve representada pelas professoras Dirce Biral, vice-diretora regional de Presidente Prudente, Marli Ramos Motta Igarashi, diretora regional de Adamantina, Cleny Dias, diretora regional de Assis, pela conselheira Cícera Barbosa da Silva, e por dezenas de associadas.

Elas ocuparam o Centro Cultural Matarazzo, onde o chefe do Executivo estadual esteve presente em cerimônia oficial. As professoras reivindicaram o fim da contribuição previdenciária para aposentados, estabelecida pelo Decreto 65.021/2020, publicado há pouco mais de um ano. A professora Dirce Biral também entregou em mãos um ofício ao Governador Rodrigo Garcia pedindo a revogação imediata do Decreto que confiscou parte das aposentadorias dos aposentados e pensionistas do Estado.

As professoras ainda cobraram uma solução urgente para o atendimento do Iamspe na região, praticamente nulo. O Governador aproveitou a ocasião para anunciar a retomada do convênio com a Santa Casa de Misericórdia de Presidente Prudente.

Veja a manifestação das professoras junto ao deputado estadual Carlos Giannazi, autor do PDL 22/20, durante a manhã de hoje:

3 Comentários para “Em visita oficial do Governador a Presidente Prudente, Apampesp protesta e pede fim do confisco previdenciário”

  1. Parabéns aos colegas destas cidades que tão bem representaram todos os sócios da APAMPESP. 👏👏👏

  2. Parabéns às nossas dirigentes e associadas das regionais de Adamantina, Assis, Araçatuba e Presidente Prudente que não mediram esforços para pessoalmente solicitarem ao Governafor Rodrigo Garcia que revogue o decreto 65.021 e acabe com o confisco dos nossos proventos e reestabeleça o convênio IAMSPE com a Sta Casa. Orgulho de fazer parte dessa família Apampesp. Lembrete ao Sr. Governador: revogue o confisco ou não volta.

  3. Por favor, já servir muito ao Estado, gostaria que não cobrasse mais, pois já contribui muito…..não é justo essa cobrança da Previdência!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.