Luta dos Servidores do Estado contra PL 529/2020 dá resultado e Governo não consegue quórum para votar projeto; trabalho das Regionais da Apampesp continua em todo o Estado

Prevista para ocorrer há quase duas semanas na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, a votação do PL 529/2020 ainda não ocorreu por falta de quórum. O presidente da Alesp, deputado Cauê Macris, tem convocado sessões para votar o texto, sem sucesso. Os adiamentos constantes representam uma vitória parcial dos servidores públicos, mobilizados em todo o Estado.

Com a Apampesp não é diferente. Diretoras e Representantes Regionais da Apampesp estão percorrendo gabinetes e escritórios políticos de prefeitos e de deputados estaduais pelo interior do Estado. Com os prefeitos e candidatos, o objetivo é pedir que intercedam em favor do fortalecimento do Iamspe na região e para que atuem junto aos colegas partido contra o PL 529/2020, de autoria do governador João Doria.

Já com os deputados estaduais, as professoras pedem o voto pela retirada de pauta do projeto. As professoras também estão entregando em mãos um ofício das Entidades do Magistério em que se posicionam contrariamente ao PL 529/2020. O texto aumenta a contribuição dos servidores para o Iamspe. Além de majorar as alíquotas, o PL penaliza os aposentados ao estabelecer um pagamento ainda maior por conta da idade.

Araçatuba

No último dia 5 de outubro, a Regional de Araçatuba teve um encontro com o candidato a prefeito Nelson Casula, da cidade de Clementina. Participaram da reunião a Diretora Regional, professora Carmem Lúcia Benites Ramos, as representantes do Conselho Deliberativo, professoras Neuci Aparecida Rizzato Ribeiro e Maria da Conceição Lopes Xavier; o presidente do PSDB de Clementina, Edson Rodrigues Gomes e a esposa do candidato a prefeito e também, associada, Maria Christina Cury Casula.

A diretora e as conselheiras, evidenciaram a importância das entidades que poderão ser extintas caso o PL 529/2020 seja aprovado e os prejuízos para as cidades e para toda a população. Também destacaram o impacto que aumento das alíquotas do Iamspe para os professores aposentados. O candidato a prefeito se comprometeu a encaminhar o ofício para os Deputados Estaduais com quem tem proximidade.

Araraquara

As professoras Aracy Dias Mendes, diretora regional, e Godoliene Fernandes da Silveira, vice-diretora, receberam nesta quinta-feira, dia 8 de outubro, na Sede Regional de Araraquara, a candidata a vereadora Edna Martins. No encontro, foram abordados os impactos do PL 529/2020 sobre os servidores do Estado, bem como a situação do professor aposentado pós-Fundeb.

Socorro

A secretária da Regional de Socorro, professora Neusa Faria, visitou o comitê eleitoral do candidato a prefeito Ricardo Lopes e dos vereadores do partido, para dialogar sobre o PL 529/2020. Na imagem, o vereador Lauro Toledo, a professora Neusa Faria e o assessor do prefeito.

A professora Neusa Faria também foi recebida pelo ex-prefeito, atual diretor de Saúde no município e candidato a vereador, Valdir Bortolasso. Ele se comprometeu a entrar em contato com os deputados estaduais do seu partido para que votem contra o PL 529.

3 Comentários para “Luta dos Servidores do Estado contra PL 529/2020 dá resultado e Governo não consegue quórum para votar projeto; trabalho das Regionais da Apampesp continua em todo o Estado”

  1. Após ter contribuido por 26 anos em sala de aula e estar aposentada há 20 anos, vi-me presenteada com esse desconto absurdo da ordem de 14%!
    Uma grande aberração virem descontar logo do funcionário público aposentado e sem sequer ter tido direito às perdas do período!
    Por que não cortam dos poupados salários dos políticos que, em sua maioria, não fazem jus ao que percebem????????????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *